Exibição do Emoji, o filme com recursos de acessibilidade

29/09/2017

 

 

Em comemoração à semana da Inclusão da Pessoa com Deficiência, a ETC filmes e a Derdic exibiram o filme Emoji, da Sony Pictures, com recursos de acessibilidade. A sessão aconteceu no dia 20/09 no Cinemark do Shopping Santa Cruz, em São Paulo.

O objetivo do evento foi marcar a importância do Dia Nacional da Luta das Pessoas com Deficiência, instituído por iniciativa de movimentos sociais em Encontro Nacional, em 1982. A data é celebrada todos os anos como um momento de reflexão e de busca por novos caminhos e formas de divulgar a luta pela inclusão social.

Pela primeira vez um filme foi exibido com todos os recursos de acessibilidade no Brasil. A animação contava com os recursos de audiodescrição, legendas descritivas e Libras, a Língua Brasileira de Sinais.

Infelizmente, hoje a realidade brasileira está distante da sonhada por muitos deficientes. As pessoas gostam de ver filmes e ir ao cinema, mas isso ainda não é acessível para todos. Há uma lei em andamento que determina que, a partir de novembro de 2017, tudo o que for exibido nas salas tenha recursos de acessibilidade. A Ancine, no começo de 2016, anunciou normas e critérios constantes da Instrução Normativa nº 128/2016, que regulamenta o provimento de recursos de acessibilidade visual e auditiva nos segmentos de distribuição e exibição cinematográfica.

Confira o vídeo que fizemos:

III Semana da Acessibilidade com Emoji, o Filme

A sessão do filme Emoji fez parte da III Semana da Acessibilidade. Muito mais que acessível, a sessão proporcionou um momento único de inclusão. A diversidade do público e suas mais inspiradas reações mostraram rapidamente que, naquele momento, os astros e estrelas não estavam na tela e, sim, na plateia. Emocionante! Viva a acessibilidade! Viva a inclusão! Obrigado, Derdic / PUC-SP-oficial Sony Pictures Cinemark Revista Exibidor

Posted by ETC Filmes on Friday, September 22, 2017

 

De acordo com a Instrução Normativa, as salas de exibição comercial deverão dispor de tecnologia assistiva voltada à fruição dos recursos de legendagem, legendagem descritiva, audiodescrição e Libras. Segundo a Ancine, os recursos serão providos na modalidade que permita o acesso individual ao conteúdo especial, sem interferir na fruição dos demais espectadores. Cabe ao exibidor dispor dessa tecnologia em todas as sessões comerciais sempre que solicitado pelo espectador. O quantitativo mínimo de equipamentos e suportes individuais voltados à promoção da acessibilidade visual e auditiva varia em função do tamanho do complexo.

A ETC Filmes vem produzindo todos os recursos para que as sessões sejam acessíveis. A empresa já produziu conteúdo com acessibilidade para mais de 100 filmes só em 2017, sempre pensando na qualidade desses materiais e visando o entretenimento total do público, unindo pessoas com ou sem deficiência.